top of page
  • Foto do escritorPtrânsito

MP ÓRGÃO FEDERAL APONTA 22 PROBLEMAS POR ERROS DE FABRICAÇÃO DO COMPASS



O Ministério Público do Estado de Minas Gerais e o Ministério Público Federal (MPF) protocolaram uma Ação Civil Pública contra a Jeep onde solicitam o recall imediato do Compass sob alegação de erros de fabricação do modelo.

“Conforme plano de avaliação de veículos Jeep/Compass diesel realizado pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo – CETESB, dois recalls realizados pela FCA no Jeep Compass podem ter alterado as configurações dos veículos de modo significativo e modificado as condições de dirigibilidade dos veículos, cujas consequências podem ser a causa do aumento de emissão de poluente e/ou do consumo de combustível”, diz o MP.


O processo responsabiliza a União e a Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran), pede indenização coletiva por dano moral no valor de R$ 50 milhões e não especifica um ano de produção do Compass. No caso, envolveria todas as versões do SUV da Jeep produzidas em Pernambuco desde 2016, quando esta geração do carro foi lançada no mercado brasileiro.


Os 22 erros de fabricação do Compass apontados pelo MP

  • 1) aumento do curso de pedal de freio e gases no sistema de frenagem;

  • 2) ruído excessivo nos freios, amortecedores e motor;

  • 3) perda de estabilidade durante paradas bruscas;

  • 4) consumo excessivo de combustível;

  • 5) falhas recorrentes na parte elétrica;

  • 6) barulho e ineficiência do ar-condicionado;

  • 7) pane elétrica total;

  • 8) falhas recorrentes no sistema Star-stop;

  • 9) falhas na central de multimídia;

  • 10) falhas e barulhos na caixa de câmbio;

  • 11) falha no sistema Arla32;

  • 12) defeito nas bombas de óleo, com baixa pressão;

  • 13) barulhos na turbina do turbo;

  • 14) desalinhamento de peças no interior dos veículos, como plásticos e portas;

  • 15) problema nos freios, a ponto de falharem completamente;

  • 16) falhas nos sensores (dianteiros, traseiros e laterais);

  • 17) defeito na injeção eletrônica e no motor dos veículos;

  • 18) defeitos na coluna de direção;

  • 19) falhas que permitem a presença de óleo no radiador, o que ocasiona problemas na transmissão;

  • 20) problemas no alternador;

  • 21) problemas no trocador de calor de transmissão;

  • 22) aumento da emissão de óxido de nitrogênio (Nox), em desconformidade com as disposições da Resolução CONAMA n.º 315/2002.


Fonte: Anfavea. Elaboração: MT2 DATA

automotive now


23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

DPVAT 2023

Comments


bottom of page